211 164 221
Dias úteis: 9:00 - 18:00
EN
portugal
  • COSEC >
  • SCGE >
  • Notícias >
  • TENSAI: Seguro de Créditos com Garantia do Estado fundamental para o crescimento das vendas para Marrocos

TENSAI: Seguro de Créditos com Garantia do Estado fundamental para o crescimento das vendas para Marrocos

Lisboa, 20 de outubro de 2020 – Em entrevista à agência Lusa, a diretora financeira da Tensai Indústria, Daniela Fernandes, destaca que a fabricante portuguesa de equipamentos de frio Tensai prevê aumentar a faturação de 21,4 milhões de euros em 2019 para 23 milhões este ano. 

Com sede em Leça da Palmeira, Matosinhos, a Tensai produz na sua fábrica de Estarreja tudo o que vende para os 70 países onde atua, com destaque para o Médio Oriente e África. "Os nossos principais mercados em volume estão no Magrebe (nomeadamente Argélia, Marrocos e Líbia). 

Em Marrocos, o crescimento da Tensai disparou nos últimos anos, na sequência da taxa 'antidumping' que este país passou a aplicar sobre os produtos turcos e asiáticos e que deixou de fora os produtores europeus. 

Para o crescimento das vendas para Marrocos e dinamização das exportações em geral, a Tensai diz ter sido fundamental o seguro de crédito com garantia do Estado prestado pela COSEC, ao qual recorreu pela primeira vez em 2019. "Há sempre uma necessidade de evoluir e de aumentar os negócios e temos que ter o menos risco possível no que concerne a pagamentos. As habituais cartas de crédito, além de serem bastante caras, têm o inconveniente, no caso de Marrocos (que tem um tempo de trânsito do material muito curto) de demorarem algum tempo, pelo que chega lá primeiro material e só depois os documentos, o que para o cliente traz um custo acrescido de paralisação dos contentores na doca", disse Daniela Fernandes. Segundo a responsável financeira, o contacto com a COSEC "resultou precisamente dessa necessidade do mercado de Marrocos", mas, entretanto, já se alargou a várias outras operações da empresa.

Saiba mais »

TENSAI: Seguro de Créditos com Garantia do Estado fundamental para o crescimento das vendas para Marrocos

Lisboa, 20 de outubro de 2020 – Em entrevista à agência Lusa, a diretora financeira da Tensai Indústria, Daniela Fernandes, destaca que a fabricante portuguesa de equipamentos de frio Tensai prevê aumentar a faturação de 21,4 milhões de euros em 2019 para 23 milhões este ano. 

Com sede em Leça da Palmeira, Matosinhos, a Tensai produz na sua fábrica de Estarreja tudo o que vende para os 70 países onde atua, com destaque para o Médio Oriente e África. "Os nossos principais mercados em volume estão no Magrebe (nomeadamente Argélia, Marrocos e Líbia). 

Em Marrocos, o crescimento da Tensai disparou nos últimos anos, na sequência da taxa 'antidumping' que este país passou a aplicar sobre os produtos turcos e asiáticos e que deixou de fora os produtores europeus. 

Para o crescimento das vendas para Marrocos e dinamização das exportações em geral, a Tensai diz ter sido fundamental o seguro de crédito com garantia do Estado prestado pela COSEC, ao qual recorreu pela primeira vez em 2019. "Há sempre uma necessidade de evoluir e de aumentar os negócios e temos que ter o menos risco possível no que concerne a pagamentos. As habituais cartas de crédito, além de serem bastante caras, têm o inconveniente, no caso de Marrocos (que tem um tempo de trânsito do material muito curto) de demorarem algum tempo, pelo que chega lá primeiro material e só depois os documentos, o que para o cliente traz um custo acrescido de paralisação dos contentores na doca", disse Daniela Fernandes. Segundo a responsável financeira, o contacto com a COSEC "resultou precisamente dessa necessidade do mercado de Marrocos", mas, entretanto, já se alargou a várias outras operações da empresa.

Saiba mais »